Atletas Shimano andam bem no FDS

Gideoni vence no Velódromo de Indaiatuba e Sabrina fatura XTerra

327853_754952_327804_754630_dsc_6384_web_.jpg

São Paulo (SP) - Os atletas Gideoni Monteiro (Indaiatuba/HTPro Nutrition/Shimano) e Sabrina Gobbo (Trek/Pearl Izumi/Shimano) foram destaque nas competições em que estiveram em ação neste fim de semana. No Campeonato Brasileiro de Ciclismo de Pista, em Indaiatuba (SP), Gideoni faturou os títulos de perseguição por equipe e madson. Já no XTerra Paraty, última etapa do circuito nacional na temporada, Sabrina venceu o triathlon e foi vice na MTB Cup Pro.

O Brasileiro de Pista começou para Gideoni na sexta-feira (1º), quando conquistou o título da prova de perseguição por equipes ao lado de Armando Camargo, Endrigo Pereira e Robson Ribeiro. No dia seguinte, foi vez da omnium, que competiu individualmente. Mesmo liderando após as corridas de scratch, tempo race e eliminação, na prova por pontos o ciclista sofreu com a marcação de seus rivais e concluiu a modalidade em sexto. No domingo (3), a vitória veio na madson, ao lado de Armando Camargo, garantindo a segunda medalha de ouro.

“A perseguição por equipes é uma prova que gosto bastante de fazer. Terminar com a medalha de ouro foi motivador para seguir confiante nas demais corridas”, afirmou Gideoni. “A madson exige muita técnica, precisamos estar o tempo inteiro ligados na competição. Estou feliz pela conquista. Sempre entro nas provas para fazer o meu melhor, independente de quem esteja competindo, então finalizo esse campeonato com a sensação de dever cumprido", comemorou o ciclista, idealizador da equipe Indaiatuba/HTPro Nutrition/Shimano.

XTerra Paraty - Depois de ter garantido o título antecipado da temporada na etapa reduzida de Ilhabela (SP), Sabrina Gobbo chegou a Paraty (RJ) tranquila para a última competição de XTerra. Enquanto no sábado (2) ela venceu o Triathlon, após nadar 1,5 km, pedalar 27,4 km no mountain bike e correr 6,3 km na corrida de montanha, no domingo foi a vez da MTB Cup Pro, com 38,3 km, terminando em segundo lugar, atrás de Sofia Subtil.

"Nadei um pouco mal no começo do triathlon, então tive que fazer muita força no mountain bike e na corrida, para conquistar a vitória no primeiro dia. Na MTB Cup Pro eu liderei no início, mas na parte da prova com as subidas a Sofia chegou em mim e não consegui acompanhar o ritmo dela. De qualquer forma, estou feliz por vencer mais uma prova e ter sido vice-campeã na outra", destacou Sabrina, que conta com sua mountain bike equipada com o grupo Shimano XTR Di2 de transmissão de marchas eletrônica.